Capítulo 15: O Quarto Pokémon!

Capítulo 14: Peixes no Mar, Dificuldade em Terra

Capítulo 16: Mão Amiga

No último capítulo, Steven esteve em imensas dificuldades para ganhar a Zed, treinador de Pokémon de água. Os seus Magikarp e Feebas eram muito fortes e Steven esteve no limiar da derrota. No entanto, os seus Pokémon deram a volta por cima e concederam a vitória a Steven. Agora, encontra-se no final do torneio, frente a frente com Patrick, que derrotou todos os seus adversários sem perder nenhum Pokémon.

— Espero que estejas pronto para uma derrota! Agora, vais ver qual é a diferença de poder entre os nossos Pokémon, Steven!
— Isso é o que pensas, Patrick! Se achas que vou perder, estás redondamente enganado!

— Senhoras e senhores, desta dupla, Patrick destaca-se por não ter perdido nenhum Pokémon em batalha e Steven mostrou sempre que os seus Pokémon, mesmo quando parecem estar à beira da derrota, dão a volta por cima! Vamos, então, dar início à final do torneio de novatos! Vejamos quais as escolhas do selector!

Combate: Dois contra Dois (individual)
Terreno: Gelo

— Até agora neste torneio, nenhum destes jovens treinadores combateu neste tipo de terreno! Como será que os dois se vão comportar perante tais circunstâncias? Vejamos quem inicia o combate!

Primeira escolha: Patrick

— Que o combate comece!

— Ledyba, em frente!

— Nunca vi este Pokémon antes…

— Um Pokémon insecto… Óptimo… Assim, o Torchic está em vantagem… Torchic, escolho-te a ti!

torchic

— Se pensas que um Pokémon de fogo consegue fazer frente ao meu Ledyba, enganaste!

— Ledyba, Equipa Dupla!

Torchic fica completamente rodeado pelas imagens.

— Só um deles é verdadeiro! Ataca todos com Brasa!

brasa

— Inútil! Voa em volta dele a grande velocidade!

Devido à velocidade de Ledyba, Torchic não consegue acertar no seu alvo.

— Raios!
Ataque Rápido!

A grande velocidade, Ledyba atinge Torchic.

pancada

— Torchic!
— Como vês, só o tipo não define a vitória.

Devido ao gelo, Torchic luta para se pôr de pé.

— Ledyba, Estrelas Velozes!

— Rápido, sai daí!

Mas não consegue. O gelo dificulta imenso a locomoção. Torchic leva com o golpe.

— Grr…
— Isto vai ser ainda mais fácil do que eu pensava! Ledyba, atinge-o com vários Ataques Rápidos!

Torchic é alvo de uma rajada de Ataques Rápidos.

— Torchic,força! Tenta atacar com Brasa!

brasa

Mas Ledyba é demasiado rápido para ser apanhado pelo ataque.

— Torchic…

Poliwag continuava a assistir ao combate.

— Como é que vou conseguir atacá-lo, tendo ele aquela velocidade toda…? Já sei! Torchic, eleva-te no ar com ajuda da Brasa a toda a potência!

Com todas as suas forças, Torchic consegue subir um pouco.

— Não vês que isso não te vai levar a lado nenhum? Ledyba, acaba com ele, Ataque Rápido!
— Ainda não pares…

Quando Ledyba está prestes a atingir Torchic…

— Agora! Mega Pontapé!

O ataque tem sucesso e Ledyba sofre um dano directo.

pancada2

Como Ledyba ia a grande velocidade, não se conseguiu desviar e também, devido à sua velocidade, saiu disparada, embatendo numa rocha de gelo.

— Ledyba!

— Ledyba, fora de combate!
— Incrível! Pela primeira vez, Patrick perde um dos seus Pokémon!

— Boa, Torchic!

Torchic cai no gelo e tenta levantar-se com grande esforço.

— Maldito! Vais pagar-mas! Ledyva, volta! Em frente, Bulbasaur!

— Aqui está ele…

pokedex_bulbasaur

— O Bulbasaur de Patrick tem-no ajudado imenso nestes combates! Vejamos como lutará Torchic! Embora esteja em vantagem de tipo, tudo é possível!

— Mesmo que o Torchic esteja em vantagem, não posso baixar a minha guarda. O Torchic é o único Pokémon que me resta.
Chicote de Hera!

— Torchic, Brasa!

— Passa o chicote pela Brasa e prende-o!

Bulbasaur leva com o golpe, mas consegue prender Torchic, elevando-o no ar.

— Ele “sacrificou” o seu Pokémon só para que conseguisse prender o Torchic…
— Manda-o contra o gelo!

Torchic embate várias vezes contra o gelo.

— Torchic…
— É o fim! Manda-o dar uma volta ao bilhar grande!

Bulbasaur lança-o com muita força, fazendo com que Torchic embata numa das rochas de gelo, ficando inconsciente.

— Torchic, fora de combate!
— Torchic… murmurava Steven bastante nervoso e triste.

Mariah olhava Steven fixa e atentamente.

— Acabou tudo… Torchic, volta!

Várias lágrimas escorriam pelo seu rosto.

Passados alguns segundos sem nenhuma reacção de Steven…

— Mas o que se passa? Steven não escolhe o seu segundo Pokémon! Será que se encontra a planear alguma estratégia?

O tempo continuava a passar e Steven não se movia um único centímetro.

— Finalmente acobardaste-te? — vociferava Patrick violentamente a Steven.

— Steven… — dizia Mariah num tom triste para si mesma.

— Eu não… Eu não… Eu não…

Naquele momento, Poliwag salta para o campo de combate.

— Poliwag… — falava Steven num tom pensativo a confuso.

Poliwag tenta, insistentemente, dizer algo a Steven.

— Queres combater, Poliwag? É isso?
— Poli! — concordava logo de seguida.

Mariah estava espantada.

— EU NÃO VOU PERDER!

— Pelos vistos, o segundo Pokémon de Steven é um Poliwag! Mas este não veio de nenhuma pokébola, mas sim das bancadas! Talvez Patrick o tenha posto lá para que observasse todo o combate!

— O Poliwag é o meu segundo Pokémon! Espero ter o conhecimento básico de ataques de Pokémon de água…
— Tsk! Que estupidez. Então, aquele estúpido Pokémon está agora na tua equipa, Steven?
— Ele não é estúpido! Ele é que te vai dar uma derrota daquelas!
— Veremos se o teu Pokémon tem poder suficiente para aguentar isto. Folha Cortante!

— O Poliwag deve querer vingar-se do Bulbasaur… O.K. Poliwag, Pistola de Água!

O ataque de Poliwag desvia todas as folhas.

— Isso mesmo! Agora, Chapada Dupla!

Quando Poliwag se aproxima…

— Um ataque directo impulsivo… Que estupidez! Chicote de Heras!

Poliwag recebe o golpe, mas aguenta-se e consegue atacar Bulbasaur com várias chapadas.

— Boa!
— Bulbasaur…! Ainda não acabou! Dança das Pétalas!

Poliwag é empurrado para longe.

— Estás bem, Poliwag?
— Poli!
— Isso é que é falar! Pistola de Água!

— Salta com o chicote e usa Folha Cortante!

— Como?!
— Aprendi esta técnica contigo, Steven. Dá-te por satisfeito eu ter-te elogiado.

O ataque de Bulbasaur tem sucesso, atingindo Poliwag.

— Poliwag…!

Poliwag levanta-se com muitas dificuldades.

— Desta vez o teu Pokémon irá sofrer! Semente de Sanguessuga!

— Steven — avisa Mariah alertadamente —, não deixes que a semente acerte!
— O quê? Poliwag, esquiva-te!

Poliwag consegue esquivar-se, usando o gelo como auxílio.

— Não será assim que escaparás! Novamente, Semente de Sanguessuga!

— Desvia-te outra vez!
— Santa ingenuidade! Corta o gelo com Folha Cortante!

O gelo quebra-se e Poliwag mal consegue fugir, sendo consequentemente preso pela semente.

— Steven — avisa novamente Mariah —, essa é uma semente especial que retira a força do alvo inimigo e usa-a a aumentar a sua própria!
— Oh, não!
— Não és nem nunca foste adversário para mim, Steven! O golpe da graça, Raio Solar!

— Steven, o Raio Solar é o golpe mais poderoso dos Pokémon de erva!

A tensão de Steven sobe a altos níveis.

– Como arma! Tens de tomar partido disso!
— Mas como…

Quando Bulbasaur está prestes a lançar o Raio Solar…

— TENS DE TE LIBERTAR A TODO O CUSTO, POLIWAG!

Naquele momento, Poliwag ataca com Pulsar de Água, rebentando com a semente.

— Mas o que…! Bulbasaur, usa chicote e salta!
— É a tua oportunidade, Steven!
— Poliwag, aproxima-te com a Pistola de Água!

Poliwag consegue alcançar Bulbasaur rapidamente, para o ar de espanto de ambos.

Chapada Dupla!

Bulbasaur é golpeado e embate no chão gelado.

— Bulbasaur!

— Este combate está de roer as unhas! Ambos os Pokémon estão a dar o seu melhor e ambos se encontram esgotados! Quem vencerá?

— Não te deixes ir abaixo! Raio Solar!
— Raios!
— Acaba com ele!

— POLIWAG!

Poliwag é atingido e perde os sentidos.

— Poliwag, fora de combate! Por conseguinte, Patrick é o vencedor!

— E já temos o vencedor deste Torneio de Novatos, Patrick!

Steven agarra Poliwag e leva-o de imediato ao Centro de Pokémon.

Enquanto Patrick tem a sua festa de vitória, Steven encontra-se a falar com Mariah, no Centro.

— Não te deixes afectar pela derrota, Steven. Deste teu melhor. Tinhas grandes hipóteses de vencer o combate.
— Eu sei, mas não teria chegado tão longe se não tive sido pela ajuda do Poliwag.
— Ele deve gostar muito de ti.

Quando Mariah e Steven vão a sair do Centro para apanhar ar, Patrick vem a entrar e ambos olham fixamente um para o outro.

— Parabéns, Steven — diz Patrick, estendendo a mão.

Steven congela, não sabendo o que fazer.

— Tudo bem se não quiseres. No entanto, só te queria dizer que peço muitas desculpas por o que te disse. Mereces o meu respeito e espero encontrar-te na Liga Pokémon.

Steven volta a si e aperta a mão de Patrick.

— Tudo bem. Contudo, eu é que devia dar-te os parabéns. Tu é que foste o vencedor do torneio.
— Ganhámos os dois. Doravante, seremos rivais.
— Certo. Farei todos os possíveis para chegar o mais longe possível e entrar na Liga Pokémon e lá, defrontar-te.

No dia seguinte, Steven vai ver como estão o Torchic e o Poliwag.

— Aqui tens os teus Pokémon, Steven.
— Muito obrigado, enfermeira Joy! Mas este Poliwag não me pertence.
— É selvagem?
— Sim. Ele apareceu, ontem, no combate para me ajudar. Ele foi realmente um grande amigo. E é por isso que te tenho de agradecer, Poliwag.
— Poli-Poliwag!
— Espero conseguir apanhar, futuramente, um Pokémon de água tão forte quanto tu.

Poliwag salta para os braços de Steven e rouba-lhe uma pokébola.

— Então, meu! Outra vez?

Poliwag activa a pokébola e entra nela.

— Desta vez, o Poliwag parece querer ir contigo, Steven — afirma Mariah, aproximando-se.
— Poliwag, toca a sair!

— A partir de agora, seremos sempre amigos e companheiros de combate!
— Poliwag!

Steven perdeu o seu combate, mas, em contrapartida, ganha um novo companheiro Pokémon. Que aventuras esperarão os nossos heróis? Não percam os próximos capítulos Pokémon!

Próximo capítulo: Mão Amiga!

Nota1: Bom, pessoal, a todos os meus leitores, peço muitas desculpas por colocar este capítulo com várias semanas de atraso. Tal como o Portuga já tinha avisado aqui no Blog, tive problemas com o meu pc. Infelizmente, não teve arranjo e, consequentemente, tive de comprar um novo. Vou fazer os possíveis para concluir, agora, cada capítulo por semana.

Nota2: Não sei se gostaram deste capítulo, mas deu-me “pica” escrevê-lo XD. Não sei se terá sido devido à intervenção de Poliwag. Pois ele quis ajudar o seu amigo Steven e lutar contra Patrick, devido a este ter tido uma pequena desavença no capítulo anterior.

Nota3: Se pensam que me esqueci dos personagens que o Rodri10pt e o MReis me pediram para colocar, estão muito enganados XD. Um deles está para fazer a sua estreia muito para breve, pois já escrevi os capítulos em que os dois entram.

É tudo por agora! Até para a semana que vem!

Capítulo 14: Peixes no Mar, Dificuldade em Terra

Capítulo 16: Mão Amiga

Deixar uma resposta